Buscar

OBJETIVOS

São programas mentais que nos ajudam a direcionar e a focar para algo que é importante para nós.


Quantas vezes é que traçamos um objetivo e não conseguimos atingi-lo. Deixamo-nos levar pelos obstáculos quer internos quer externos?


A questão que coloco é:

Será que o objetivo que quer alcançar é mesmo esse?

Como é que sabe que é esse e não outro, que o vai fazer sentir -se, verdadeiramente, feliz?

Quantas pessoas andam anos e anos a lutar por um objetivo e quando o concretizam, não só não celebram a sua conquista, como não se sentem realizados?

Quando formular um objetivo tenha em consideração os seguintes passos:

FORMULE SEMPRE PELA POSITIVA

Seja claro no que quer e dirija-se ao que quer e não ao que não quer. Veja o objetivo como se fosse um íman. Se formular o objetivo da seguinte forma: “Eu NÃO quero voltar a ter um parceiro ciumento.” O que será que vai acontecer?

As palavras e os pensamentos criam representações internas que, por sua vez, influenciam as emoções e os comportamentos. Isto quer dizer, que sempre que nos dirigimos ao que não queremos estamos a criar uma representação interna que por sua vez irá influenciar a mente, as emoções e direcionar os comportamentos na direção contrária ao que pretende.

Os pensamentos têm um poder extraordinário na criação de estados internos e na capacidade de ação. FOCO no que QUER e não no que não quer.

VISUALIZE O OBJETIVO COMO SE JÁ TIVESSE REALIZADO


A clareza e a especificação do objetivo permitem que a mente comece a construir uma imagem. A essa imagem adicione os detalhes que quiser. Imagine que está a fazer um desenho desse objetivo. Como seria esse desenho?

Porque é que é importante e poderoso a visualização? Porque o nosso inconsciente interpreta esta experiência como se fosse real e como se já tivesse percorrido esse caminho. É como se o nosso objetivo se tornasse mais palpável e ao nosso alcance.

Se disser que quer estabilidade financeira, sucesso profissional ou uma relação bem-sucedida, pergunte o que significa estabilidade, o que tem de acontecer para saber que alcançou o sucesso ou o que caracteriza uma relação bem-sucedida.


COMO SABE QUE CONCRETIZOU O OBJETIVO?

Neste passo pretende-se que consiga mensurar sensorialmente o seu objetivo. Ou seja, o que estará a ouvir, a ver, a sentir e a dizer a si mesmo quando atingir a seu objetivo?

O OBJETIVO DEPENDE SI OU DE TERCEIROS? EM QUE CONTEXTO SE IRÁ REALIZAR?

É importante que tenha o controlo do seu objetivo. Se concluir que o sucesso do seu objetivo está dependente de terceiros, então, tem de voltar a atrás e reformular o objetivo.

Subdivida o objetivo, faça um plano de ação e estabeleça, pelo menos, o primeiro passo.


Pode fazer algumas perguntas, como por exemplo:

De que recursos necessita para atingir o objetivo?

O que o impede de o atingir agora?

O que tem disponível e onde vai buscar o que lhe falta?

Quando, onde e com quem o deseja realizar?

Quando, onde e com quem não o deseja realizar?

VERIFIQUE A ECOLOGIA

Testar a ecologia do objetivo é, quanto a mim, o passo mais importante. Verificar, se é congruente com a pessoa que é ou que quer ser. Se não entra em conflito com o seu sistema de valores. Verifique se os ganhos atuais são preservados e o que acontece se não forem.

Porque quer este objetivo?

Em que beneficiaria se o atingir?

O que poderia perder?

Como mudaria ou afetaria a sua vida?

Tome consciente onde está, qual o seu estado atual, onde quer ir e quais as ações que tem de tomar.

Lembre-se que tudo o que fazemos afeta também outras pessoas e por isso é preciso analisar todas as consequências positivas e negativas das nossas decisões.

Se ainda não sabe quer, comece por fazer uma reflexão e experimente fazer a seguinte pergunta:

O que teria de acontecer na minha vida para que me permitisse sentir feliz e realizado?

80 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo